Reumatismo em crianças: a dor nas articulações do seu filho pode estar relacionada à artrite reumatoide juvenil

Reumatismo em crianças: O que é a Artrite Reumatoide Juvenil
artrite reumatoide juvenil

A artrite reumatoide juvenil, também conhecida como artrite idiopática juvenil (AIJ)  é o nome dado ao conjunto de doenças autoimunes que afeta crianças com até 16 anos, sendo a forma mais comum de artrite infantil. 

A gravidade da artrite reumatoide juvenil é determinada pelo número de articulações envolvidas e cada criança pode apresentar complicações específicas para o seu tipo de artrite diagnosticado.

Grande parte das crianças com artrite reumatóide entram em longos períodos sem ocorrência mínima de sintomas, mas alguns  pacientes podem desenvolver posteriormente artrite reumatóide ou espondilite anquilosante quando adultos.

O que é  Artrite Reumatoide Juvenil

A artrite idiopática juvenil, ou artrite reumatoide juvenil, não é uma doença única, mas um grupo de doenças. O que elas têm em comum é a inflamação crônica das articulações que afetam crianças antes dos 16 anos de idade. Além dessas características comuns, as doenças da artrite juvenil são diferentes em seus sintomas, tratamentos e resultados. O termo artrite idiopática juvenil abrange as formas principais de artrite infantil.

Tipos de atrite idiopática juvenil (AIJ)

artrite idiopática juvenil (AIJ) ou artrite reumatoide juvenil (ARJ)  tem diferenças distintas em relação à artrite reumatoide adulta. Alguns subgrupos de artrite reumatoide juvenil:

1. A ARJ poliarticular envolve 5 ou mais articulações e se assemelha muito à artrite reumatoide do adulto. Normalmente 30% a 40% das crianças com ARJ são afetadas por este tipo de doença. As articulações são afetadas simetricamente (ambos os lados) e podem abranger articulações de pequenos ossos, como as mãos. As articulações dos quadris, joelhos, tornozelos e pés também são afetadas. Os sintomas associados a esta forma de artrite são dor e inchaço nas articulações, febre baixa, perda de peso e nódulos que aparecem na pele. 

 2. A ARJ pauciarticular também chamada oliguarticular afeta 4 ou menos articulações e geralmente inclui joelhos, pulsos, tornozelos e cotovelos. A artrite pauciarticular é a forma mais prevalente de artrite reumatoide juvenil. As articulações afetadas se manifestam de forma assimétrica (uma a cada vez), e as meninas geralmente são mais afetadas pela doença. A inflamação dos olhos é um sintoma predominante associado à artrite reumatoide juvenil pauciarticular.

3. A ARJ sistêmica é a menos comum entre as crianças que desenvolvem alguma forma de artrite reumatoide juvenil. A ARJ sistêmica afeta meninas e meninos igualmente e pode envolver órgãos internos. As febres são sinais iniciais de ARJ sistêmica, junto com erupções cutâneas. Outros sinais e sintomas incluem:

  • Inflamação do coração e tecidos adjacentes;
  • Aumento dos gânglios linfáticos e baço;
  • Contagem de leucócitos aumentada;
  • Anemia;
  • Perda de peso;
  • Fadiga.

Uma criança com ARJ sistêmica pode ter teste negativo para fator reumatoide e a maior parte das crianças que desenvolvem esta forma têm evolução favorável.

Causas da artrite idiopática juvenil (AIJ)

A causa da artrite idiopática juvenil é desconhecida. Como a Artrite Reumatoide do tipo adulto e muitas outras doenças relacionadas, a AIJ é uma doença autoimune. Isso significa que o sistema imunológico do corpo ataca por engano os tecidos que deveria proteger.

Diagnóstico da Artrite Reumatoide Juvenil

O diagnóstico da artrite reumatoide juvenil envolve uma série de radiografias e amostras de sangue. Não existem testes pediátricos específicos para diagnosticar ARJ. No primeiro aparecimento dos sintomas, você deve consultar o médico do seu filho e um encaminhamento para um reumatologista pediátrico para avaliação adicional será solicitado, se necessário.

Os testes são conduzidos para descartar doenças que podem causar sintomas semelhantes aos da artrite reumatoide juvenil, como anomalias congênitas, infecções ou câncer infantil.

Sinais e sintomas da Artrite Reumatoide Juvenil

A dor nas articulações do seu filho pode ser confundida com dores do crescimento. As dores do crescimento geralmente ocorrem em crianças entre 3 e 12 anos e, geralmente são sentidas principalmente nas coxas, panturrilhas, tornozelos, ou atrás dos joelhos; mas geralmente, não nas articulações. Essas dores aparecem com mais frequência à noite.

Os sintomas de ARJ variam em cada criança e podem incluir:

  • Febre;
  • Fadiga;
  • Perda de peso;
  • Articulações doloridas e inchaço;
  • Rigidez matinal;
  • Irritação na pele.

Em alguns casos, as crianças podem não reclamar da dor, a menos que ela interfira nas atividades diárias normais.

Tratamento da Artrite Reumatoide Juvenil

O tratamento da Artrite Reumatoide Juvenil é comparável ao tratamento da artrite reumatóide em adultos. Com o objetivo de controlar as inflamações e dores nas articulações, podem ser receitados anti-inflamatórios não hormonais, analgésicos, medicamentos modificadores do curso da doença e corticoides.

Os exercícios são incorporados à rotina diária para o tratamento adequado da ARJ. As crianças precisam de bastante descanso e o uso de uma tala noturna ajuda a reduzir qualquer potencial deformidade.

A dor nas articulações do seu filho deve ser tratada e não esquecida. Procure um médico reumatologista para o seu filho imediatamente caso haja qualquer suspeita de artrite reumatoide juvenil.

Dra. Juliana Valim
Graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto e residência em Clínica Médica na mesma instituição (2008-2009).Residência em Reumatologia pela Irmandade Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. (2011-2012) Título de Especialista em Reumatologia pela Sociedade Brasileira de Reumatologia.Foi médica assistente da Reumatologia na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo por 6 anos (2013-2019) orientando médicos residentes e especializados em reumatologia.Membro da Sociedade Brasileira de Reumatologia e atualmente integrante também da Comissão Cientifica de Vasculites (2018-2020).